21 março 2013

Mesmice

Uma noite qualquer,igual as anteriores,mas com pensamentos novos.
E ao mesmo tempo,os mesmos.É um salto para as novidades,mas me posiciono na mesmice.
É querer deixar tudo isso para trás e ao mesmo tempo não querer viver sem.
Eu tentei voltar ao meu mundo,aquele que inventei antes de conhecê-lo.Mas não consegui.
Pois inventei outro mundo,com você.
Inventei o "nós" e o tornei presente a cada passo meu.
Quando começava a me ver enlouquecendo,por viver no irreal,fechava meus olhos respirava profundamente
e sorria.Lembranças boas me acalmam.
Loucura ou não,assim sou eu.Assim é um pouco de quem sou eu.Há muito sobre mim que eu ainda tenho que descobrir.Assim sou eu.Vou me descobrindo aos poucos,aos passos,as palavras...
Talvez não me descobrindo,mas me satisfazendo com as respostas que vou achando.Algumas não me impressionam e nem me convence mas eu as aceito.Tenho medo de me descobrir.
Medo de saber quem sou eu.Quero viver para descobrir como se vive,ou simplesmente para ter uma história,sem ao menos saber se poderei contá-la a alguém depois.
Quero que alguém leia isso e diga: Ela sobreviveu.
                       Ytan Sohnarap

Nenhum comentário:

Postar um comentário