Ytan

Subitamente me veio uma ânsia de escrevê-las...
                                                             Mas escrever o que?
                                                            Simplesmente escrever...
                                                        Algo que me atraia,me domine.
                                        Fico feliz com cada conquista,satisfeita com cada obrigada!
                                                    A cada instante sinto algo novo por vim...
                                                Pego a caneta sem muitas inspirações,mas,sobriamente 
                                           me vem uma voz dizendo:escreva,escreva,isto ou aquilo...
                                   Simplesmente escreva!Sai,o que sai..Não me importo como escrevo.
                                Um ato cometido mas perdoável.O que escrevo,não me é favorável,
                        e nem me faz sentido .Mas sei que o que escrevo é meu!E isso ninguém me tira...
                          A intensidade de minhas palavras vem da alma,e da veia que aqui pulsa em meu corpo..
                                   Continuarei escrevendo,até que me falte inspiração...
                         Mas mesmo assim pegarei a caneta,e deixarei falar somente o coração...

Ytan Sohnarap.